Dia do Quadrinho Nacional

Dia do Quadrinho Nacional na Gibiteca de Curitiba, dia 27/01. 19h: Palestra com Maurício Appel, presidente da Fundação Cultural de Curitiba, sobre as demandas do setorial de Ilustração e dos autores locais. 19h40: Debate com editores e profissionais de quadrinhos sobre as novas possibilidades da produção local para o ano de 2017. Confirme sua presença no Facebook e acompanhe as novidades […]






Fantasmas na biblioteca, de Jacques Bonnet

Nós, leitores e colecionadores, somos “reféns” dos livros. É quase como a brincadeira do gato, não somos nós os seus donos e sim ao contrário. Os livros são nossos donos, quando um quer ser lido, ele se exibe, se mostra, às vezes implora por nossa atenção. E quão prazeroso é a sua leitura quando enfim a aceitamos! Ao menos comigo, […]






A metamorfose, de Franz Kafka

A Metamorfose (Die Verwandlung, Abril, 94 páginas, 2010)  traz uma alegoria sobre a mudança de vida. Sobre a difícil tarefa de escolher e seguir um caminho diferente, quando algo ou alguém, nesse caso a família, praticamente já o traçou, sem perguntar a opinião ou desejo do maior envolvido. Gregor Samsa é um jovem que precisa trabalhar como caixeiro viajante a […]






Resenha: Todas das mulheres de Hitler, Erich Schaake

O livro Todas as mulheres de Hitler traz um lista de algumas das mulheres mais importantes que acompanharam o ditador. O que percebesse pelo texto e por um pouco de sensibilidade, é que algumas essas mulheres eram – ou se faziam de – cegas. Elas idealizaram uma pessoa querida, humana. Algumas não se davam conta do que acontecia. Ou será que […]






Dez mil – autobiografia de um livro, de Andrea Kerbaker

A visão do Livro. Isso mesmo, ao ler, acompanhamos a história pelos olhos de certo volume – não temos a informação de qual é exatamente seu título e autor, mas fica ali, perto de Hemingway – e suas frustrações de não ser escolhido pelos leitores, de permanecer por muito tempo abandonado na prateleira. Alguns leitores passam próximos à sua estante, […]






De volta para casa, de Karen White

E se de repente você parasse e percebesse que sua vida teve um hiato de 15 anos? Na verdade, não exatamente um espaço em branco, mas como se todo esse tempo não significasse quase nada, a não ser uma época cinza, de tristeza e raiva pelo que sua irmã mais nova fez e não consegue perdoá-la, afinal, o perdão de […]






Matilda, de Roald Dahl

Uma menina de cinco anos que já leu muitos dos maiores clássicos é possível? Pois ela existe e foi criada por um dos grandes autores de literatura infantojuvenil, Roald Dahl (1916-1990) – que escreveu também as obras A Fantástica Fábrica de Chocolate, Charlie e O Grande Elevador De Vidro, Os Minpins, entre muitos outros –, afinal, todos os personagens estão vivos! […]






A balconista, de Steve Martin

Conhecemos Steve Martin (1945) o ator, mas poucos sabemos ou lembramos de seus dotes de escritor. A balconista (Shopgirl, 144 páginas, Editora Record), lançado lá fora em 2000 e aqui dois anos depois, é um livro que desejava ler faz tempo, desde que assisti ao filme A garota da vitrine (Shopgirl, 2005), dirigido por Anand Tucker, com o próprio Martin como Ray Porter. Já […]






A mulher de preto, de Susan Hill

A mulher de preto é um desses livros que envolvem e que caminham lentamente, sem o exagero das histórias que querem assustar por assustar. Aliás, esse clima de suspense poucos conseguem hoje e que era comum no passado. O livro é narrado por Arthur Kipps, na verdade ele escreve porque se sentiu impelido a contar tudo o que o atormenta […]






Objetos cortantes, de Gillian Flynn

Essa é a história de Camille Preaker, uma jovem que passou por muitos problemas durante a sua vida, até que é internada num hospital psiquiátrico, e ao sair de lá consegue trabalhar num pequeno jornal em Chicago. Quando seu chefe percebe que na cidade natal de Camille, Wind Gap, casos estranhos de assassinato de uma menina e sumiço de outra […]






Mudanças são bem-vindas!

Olá para todos! Hoje trago uma novidade. Alguns seguidores do Mundo de Fantas perceberam que a página no Facebook mudou de nome. Pois bem, acontece que o blog Mundo de Fantas já não comportava aquilo que eu tinha vontade de fazer, que era falar de música, cinema e, claro, de livros. Foram anos de muito carinho. Em 2017 o blog completa […]