Resenha: A Galinha Preta, de Antóni Pogorélski

Esse fim de semana li um livro bem interessante. Encontrei por acaso nessas andanças pelas livrarias virtuais.

Gostei bastante dessa leitura, principalmente porque remete ao Quebra-Nozes, de E.T.A. Hoffmann, autor que está entre os meus favoritos.

Bem, o russo Antóni Pogorélski (1787-1836) admirava Hoffmann, então sempre temos algo em nossos trabalho referente aos escritores que gostamos.

A galinha preta” (Edições SM, tradução de Klara Gourianova, 64 páginas, 2010), publicado pela primeira vez em 1829, trata de solidão, mudanças e como elas afetam as pessoas. É considerado o primeiro conto de fadas russo!

Compre na Amazon: Livro

Aliócha é um menino agradável que mora num internato, fica lá até mesmo quando seus colegas voltam para suas casas. Deve ser uma situação complicada…

“Com frequência ele sentia tristeza e saudade dos pais, sobretudo no início, quando não se conformava em viver longe da família. Depois, pouco a pouco, foi-se acostumando à situação. Vez por outra, brincando com os amigos, julgava o internato mais divertido do que a casa paterna.”

Durante as férias entre o Ano-Novo e o Dia de Reis, quando Aliócha ficou e os colegas foram, o menino acaba se apegando à galinha Pretinha, mas como teria naquele dia um almoço especial em homenagem ao diretor-geral, queriam colocá-la na panela. Aliócha faz de tudo para que isso não aconteça, então ele consegue salvar Pretinha e é aí que as aventuras começam.

Depois Aliócha conhece os habitantes do subterrâneo e ganha um presente por ter salvado a galinha: uma semente que lhe concede o poder de saber todas as lições sem nem ao menos estudar – claro que isso não vai dar muito certo. Além de não aprender nada, o problema maior é que Aliócha se torna um garoto arrogante e nenhum de seus colegas querem mais que ele fique por perto.

Aliócha aprenderá uma lição com tudo isso.

O livro é ricamente ilustrado por Laurent Cardon, numa edição belíssima em papel couché, tamanho 28cm x 22cm.

Abaixo a foto da minha galinha preta, a Tonha (ou Dinossaura), uma querida!

____

Comprando através dos nossos links você ajuda a manter o Beco do Nunca.

____

Compre A Galinha Preta com desconto.

____

Contatos:

Facebook | Instagram |  Twitter

Heidi Gisele Borges

Autora dos livros juvenis "O menino que perdeu a magia", "Um segredo de Natal" e "Histórias de Fantasia", pela Editora Estronho, e de diversos contos de horror. Escreve contos de terror para o Medocast, da Ola Podcasts. É revisora, viciada em livros e em dormir. É mãe do gato Anakin.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *