Lista de livros: Leituras de janeiro

Li menos do que eu gostaria, mas li alguns livros interessantes. Espero que fevereiro seja melhor.

1. Amor à segunda vista, de Mhairi McFarlane

Peguei uma leitura leve para iniciar o ano, pois tinha lido muitos livros pesado em dezembro de 2019.

Escolhi “Amor à segunda vista”, da escocesa Mhairi McFarlane. Já havia lido outro livro dela, traduzido no Brasil. Foi uma leitura mediana, mas o que a história se propôs.

Nesse livro a história começa bacana, nada muito elaborado, apenas uma diversão. Mas o que cansa é a adaptação para coisas brasileiras, como: boneco de Olinda, Boris Casoy, Casos de Família, e até Ciro Bottini! Isso tudo soa tão bobo. Não se passa no Brasil e o leitor consegue entender outras referências (a tradução precisa ter isso em mente)! Não precisa supor que o leitor não terá capacidade para isso. Se na tradução achar que não é algo comum para o leitor brasileiro, então coloca uma nota de rodapé com a explicação! Mas não traz para a nossa realidade algo que nem sonham em conhecer lá fora, é meio (bastante!) vergonhoso…

Sobre a história, James tem um amigo que chega a ser nojento. Laurence não é uma pessoa que se possa ser chamada de amigo, na verdade. Loz, como é conhecido, tenta roubar a “namorada” de James, trai, mente e tenta levar mulheres bêbadas para o quarto! Quem em sã consciência e caráter mantém uma amizade com alguém assim? Ainda mais James com seu perfil. E o fato de Anna cogitar algo com Laurence não faz o menor sentido por diversos motivos, mas o principal deles é ele ser uma pessoa insuportável.

Anna Alessi é uma personagem interessante, sofreu bullying na escola, e reencontra o causador disso depois de anos e precisam trabalhar juntos. James é diferente agora; claro, as pessoas mudam. Mas Anna está sempre na defensiva, pois o que sofreu na adolescência a marcou muito. Ah, ele não sabe quem ela é, pois está bastante mudada fisicamente, além do nome. Antes era Aureliana.

Enfim, uma história boa para descansar a cabeça, tirando a parte de Laurence e as adaptações, que são muitas! Se você gosta de comédias românticas, recomendo bastante, mas vá preparado para aguentar coisas como “xingou muito no Twitter”…

Compre na Amazon

2. Amor em fuga, de Bernhard Schlink

Já li quase todos os livros de Bernhard Schlink lançados no Brasil. Adoro como o autor conta suas histórias, a concepção de seus personagens. Poucos autores conseguem transmitir a tristeza, a melancolia, o receio como consigo sentir nos contos e romances de Schlink. Ele é autor de O leitor.

Compre na Amazon

3. Superdicas de ortografia, de Dad Squarisi

Gostei desse livro, aliás, gosto dos livros da Dad Squarisi por serem simples e divertidos. Ela traz para a nossa realidade cada parte do texto, com exemplos simples e com bom humor. Recomendo esse e outros da autora. Esse livro faz parte de uma coleção e você pode conhecê-la no link abaixo. (Os livros são superbaratinhos!)

Compre na Amazon

4. O estranho caso do Dr. Jekyll and Mr. Hyde, de Robert Louis Stevenson

O médico e o monstro: Ou o estranho caso de Dr Jekyll e Mr Hyde por [Stevenson, Robert Louis]

Essa é a terceira vez que leio esse livro e essa foi a que mais gostei e curti a história. Uma boa edição e tradução fazem a diferença.

Recomendo a leitura desse clássico que foi já adaptado muitas vezes (quem não se lembra de Frajola e Piu Piu? 😅). Li a edição da Record, mas tem várias outras ótimas no mercado, até com notas etc.

Compre na Amazon

5. Só vírgula, de Maria Tereza de Queiroz Piacentini

Terminei a leitura de “Só vírgula”, de Maria Tereza de Queiroz Piacentini, e me surpreendi positivamente.

Um livro MUITO bom. É realmente um método simples, como diz no subtítulo. Explica sem enrolação, sem uma linguagem complicada. E tem exercícios com respostas no fim de cada tópico. Curti essa leitura (eu tenho algum tipo de problema).

Recomendo bastante esse livro. Se você quer melhorar a sua escrita, porque valoriza o português correto, esse é um livro para se ter e consultar sempre.

Como diria a Chiquinha: “O português é uma língua tão bonita quando falada corretamente”. Esse livro foi um grande investimento esse ano.

Compre na Amazon

7. O conceito de Deus após Auschwitz, Hans Jonas

Esse livro é uma parte de um discurso de Hans Jonas, confesso que fiquei um pouco confusa e ainda tento digerir o texto. É um pequeno livro de 36 páginas, metade é uma introdução e a outra parte do discurso. O livro é superbaratinho, o preço de capa é R$10.

Compre na Amazon

 

Essas foram as minhas leituras de janeiro.

___

Ao comprar através dos nossos links você ajuda a manter o site Beco do Nunca. Obrigada!

___

Leia também:

+ As 10 melhores leituras de 2019

+ A sequência dos livros de Sherlock Holmes

+ Dicas de livros para novos escritores

Contatos:

Facebook | Instagram | Skoob | Twitter

 

Heidi Gisele Borges

Autora dos livros juvenis "O menino que perdeu a magia" e "Um segredo de Natal", pela Editora Estronho, e de diversos contos de horror, tudo sob o nome Celly Borges. É revisora, viciada em livros e em dormir. É mãe do gato Anakin.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *